Ciclo solar

Está aberta a temporada de tempestades magnéticas

Ilustração Walter Vasconcelos

Você sabe o que é uma bússola? Sim, é aquele instrumento utilizado para navegação e localização, que sempre aponta para o Norte. As bússolas funcionam de acordo com o campo magnético da Terra. Mas o que é isso?

Quando dizemos que a Terra tem um campo magnético queremos dizer que ela se comporta como um imã, daqueles com dois polos, que costumamos chamar de polos Norte e Sul. Na Terra, esses polos ficam bem próximos dos polos Norte e Sul mesmo (onde vivem os ursos polares e os pinguins, respectivamente). Por isso, é comum vermos uma imagem do planeta com um imã enorme dentro. Mas, não se engane: não existe um imã dentro da Terra!

O campo magnético terrestre é gerado pelo movimento do material metálico do seu núcleo. Este efeito gera um campo parecido com o campo de um imã de dois polos. É por este motivo que é possível usar uma bússola para orientação, pois a sua agulha imantada (atraída para um sentido) vai seguir as linhas do campo magnético terrestre e apontar para o Norte magnético. Mas, como na maioria das situações o Norte magnético não coincide com o Norte geográfico, é necessário fazer uma correção para que se localize corretamente a direção desejada.

Poderíamos terminar aqui a explicação de como age o campo magnético terrestre, não fosse pelo Sol. Sol??? Pois é. O Sol emite partículas continuamente, e elas interagem com o campo magnético da Terra. Como assim? Bem, é como se elas achatassem o campo magnético de um lado (o que está de frente para o Sol) e esticassem o outro. Assim, o campo magnético terrestre oferece um “escudo” ou uma “bolha” que desvia grande parte destas partículas em situações normais. Fim de papo? Ainda não!

Às vezes, o Sol emite uma quantidade de partículas bem maior do que a de costume. Nestas situações, como essas partículas viajam com muita velocidade, uma parte consegue vencer a barreira imposta pelo campo magnético terrestre, causando as chamadas tempestades magnéticas. Isso tem alguns efeitos na Terra. Pelo lado bom, as belas auroras boreais, que são luzes esverdeadas e avermelhadas que tomam conta dos céus nas regiões próximas aos polos. Já pelo lado ruim, há perturbações em comunicações de rádio, TV e internet, e, até mesmo, em casos extremos, estragos em satélites e apagões em usinas de transformação de energia.

Essas tempestades magnéticas são mais comuns em certos períodos, nos quais a atividade do Sol está elevada – e atualmente estamos atravessando uma destas fases. Assim, nos próximos anos, você deve ouvir falar delas, até que o Sol volte a uma fase de atividade mais baixa – o que deve ocorrer por volta de 2033. Este ciclo dura mais ou menos onze anos. O último começou em 2020, está crescendo até 2025 e vai diminuindo até completar o ciclo.


eder_molina

Eder Molina
Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas
Universidade de São Paulo

Sou paulista, e já nem lembro quando nasci… Sempre fui curioso sobre o porquê das coisas, e desde criança tinha meu clubinho da ciência. Hoje sou professor de Geofísica e continuo xereta e buscando aprender muitas coisas, principalmente sobre a Terra e o Sistema Solar.

Matéria publicada em 04.07.2023

COMENTÁRIOS

  • Isabella do Nascimento Morelli

    Olá, equipe da CHC, li a matéria sobre o ciclo solar e gostei muito. Eu aprendi como funciona a bússola, è muito interessante descobri que a terra tem um campo maguinètico e queria que a CHC publicasse uma matéria sobre “por que o mar è azul?”.tchau tchau um beijo.

    Publicado em 19 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Oi, Isabella, tudo bem? Grato por teu comentário. Vamos tentar descobrir porque o mar é azul, então… Boa pergunta!
      🙂

      Publicado em 2 de abril de 2024 Responder

  • Miguel Lacerda cândido

    Olá pessoal da chc achei muito interessante esse texto, obrigado pela atenção tchau🫶

    Publicado em 24 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Obrigado por teu comentário, Miguel! Continue explorando o site da CHC, tem muita coisa legal pra você descobrir!
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Ana laura

    Asmei o site

    Publicado em 26 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Asmei o comentário, Ana Laura! 🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Vinicius Ryu Yoshitomi

    Gostei, Muito legal, perfeito, top, amei, etc…

    Publicado em 26 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Obrigado, Vinicius! Tem muita coisa legal pra descobrir no site da CHC, explore!
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Handrel Felipe castilho

    O livro é legal

    Publicado em 26 de julho de 2023 Responder

  • Frederico

    Minha mãe disse que eu aprendi a ler com a CHC hoje eu tenho 11 anos e não consigo parar de ler

    Eu amo vocês

    Publicado em 26 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Que legal, Frederico! Parabéns a tua mãe por te incentivar e apoiar desde cedo! Continue assim!
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • raul

    oiii

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

  • Marilia

    As turmas de sextos e sétimos anos adoraram a matéria.

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      E aí, turminha dos sextos e sétimos anos (agora já no sétimo e oitavo), tudo bem?
      Continuem explorando o site da CHC!

      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • achiles

    oi sou do sesi e minha prof mostrou essa revista pra nós do 6° e 7° ano

    londrina/PR

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Muito bom, Achiles! Continue navegando pelas águas científicas da CHC!

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Maria Eduarda (Duda)

    Eu achei esse site bem legal e educativo que eu amei ler

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Oi, Duda, que legal o teu comentário! Continue explorando o site da CHC, tem muita coisa legal nele!
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • turma do 3º ano

    Ola! CHC.

    Nós somos a turma do 3º ano do colégio Oásis e estamos muito feliz em poder mandar a nossa carta. Gostamos muito de descobrimos o que é e como funciona a búsola.
    Vamos continuar lendo suas revistinhas, amamos os conteúdos e as histórias.
    Um abraço.

    Tuma do 3º do Miguel Calmon – Bahia.

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Oi, turminha que já deve estar no 4o ano, tudo bem com vocês?
      Continuem explorando a CHC, tem muita coisa bem interessante para vocês descobrirem!

      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • João Hélio

    Oi Chc adorei o ciclo sola queria que vocês escrevesse mais sobre o ciclo solar

    Publicado em 27 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Pedido anotado, João Hélio. Hélio tem a ver com Sol, deve vir daí teu interesse, será???
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Léo Simas Ribeiro

    Olá meu nome é Léo,Achei bem interessante essa historia,mas como a camada acima do céu foi formada?

    Publicado em 31 de julho de 2023 Responder

  • Léo Simas Ribeiro

    Olá ,A Lua era um pedaço do planeta terra antigamente a milhões de anos que se separou da terra não foi?

    Publicado em 31 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Oi, Léo. Na verdade, ainda estamos investigando a origem da Lua, mas atualmente acredita-se que ela se originou do impacto (ou passagem de raspão) de um corpo bem grande, do tamanho de Marte, com a Terra em sua fase inicial. Desta colisão deve ter surgido a Lua e a Terra se modificou também na ocasião.

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • ayrom

    eu gostoi

    Publicado em 31 de julho de 2023 Responder

    • Eder Molina

      Obrigado, Ayrom!
      🙂

      Publicado em 3 de abril de 2024 Responder

  • Guilherme

    A bússola e muito bom pra pessoas que tá perdida no mar na floresta ela aponta pra direção que vc deve ir a direção do Norte do Sul do nordeste eu acho n sem muito.

    Publicado em 1 de agosto de 2023 Responder

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Quem protege os meros?

Peixes que podem ser maiores do que humanos estão ameaçados de extinção.

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.