Vampiro com penas

Conheça o pássaro que se alimenta de sangue.

Tentilhão-vampiro se alimentando do sangue de um atobá. A espécie é considerada ameaçada de extinção, porque sua
população tem menos de mil indivíduos e só existe em duas pequenas ilhas no arquipélago de Galápagos.
Foto Jaime Chaves / New York Times

Você provavelmente já ouviu falar nos morcegos-vampiros, que se alimentam do sangue de outros animais. E se eu te disser que existe um pássaro vampiro? Existe mesmo e mora a oeste da América do Sul, nas Ilhas Galápagos. Essa região é famosa por ser o lar de espécies de plantas e animais que só existem lá e por ter sido visitada, em 1835, pelo cientista Charles Darwin, considerado um dos “pais” da Teoria da Evolução das espécies.

Entre os animais endêmicos de Galápagos estão algumas espécies de aves chamadas tentilhões. Cada espécie de tentilhão habita uma ou algumas ilhas do arquipélago e possui um bico com tamanho e formato adaptado a determinado tipo de alimento, como frutos, sementes ou insetos.

Em 1899, pesquisadores descreveram um tipo de tentilhão com nome científico Geospiza septentrionalis. Com tamanho aproximado de um pardal, esta espécie vive nas duas pequenas ilhas mais ao norte de Galápagos.

Em janeiro de 1964, outros cientistas visitaram essas ilhas e ficaram surpresos ao observarem tentilhões bicando o corpo de aves maiores, chamadas atobás. As bicadas feriam os atobás, e os tentilhões bebiam o sangue deles!

Graças a bactérias especiais que vivem em seu intestino, os tentilhões conseguem fazer a digestão do sangue. Mas o comportamento vampiresco não acontece sempre. Na maior parte do ano, os tentilhões comem principalmente pequenas sementes. Durante os meses de seca, quando esses alimentos se tornam raros, eles complementam a dieta com ovos e sangue dos atobás.

A história dos tentilhões-vampiros pode até parecer coisa de filme de terror, mas é uma verdadeira maravilha da diversidade do mundo animal!


henrique-caldeira

Henrique Caldeira Costa,
Departamento de Zoologia
Universidade Federal de Juiz de Fora

Sou biólogo e muito curioso. Desde criança tenho interesse em pesquisar os seres vivos, especialmente o mundo animal. Vamos fazer descobertas incríveis aqui!

Matéria publicada em 31.01.2024

COMENTÁRIOS

  • josias

    muito interessante nunca tinha imaginado isso

    Publicado em 25 de março de 2024 Responder

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Quem protege os meros?

Peixes que podem ser maiores do que humanos estão ameaçados de extinção.

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.